Momento de Leitura 3

Aquele Lugar

Paródia produzida pela aluna Isabella do 9.º ano nas aulas de Técnica de Redação, sob a orientação do professor Flávio Santos.

 

AQUELE LUGAR

 

Minha terra tem palmeiras

muitos cocos brotam lá

Os pássaros que aqui gorjeiam

são caçados, que dó dá.

 

Nosso céu azul verão

Nossas flores, onde estão?

nossa praia tão imensa

Nossa vida muitas dores.

 

Em pensar, sozinha, sobre a vida

Queria muito me adequar

minha terra se orgulha de suas palmeiras

mas por onde anda o Sabiá?

 

Minha terra tem perigo

no qual não queria encontrar

Em andar, sozinha, à noite

queria o medo lá não estivesse.

Minha terra é bonita

porém não fácil de agradar.

 

Não permita Deus que eu morra

sem que mude aquele lugar

sem que, finalmente, entenda

por que desejo estar lá

perto de minhas palmeiras

com o Sabiá.

4.º ano 14Bis (0)

14 Bis

Como atividade complementar, após estudar a biografia de Alberto Santos Dumont e de pesquisar sobre alguns outros inventores e suas invenções, cada grupo de alunos do 4.º ano, construiu uma aeronave e trabalhou as estratégias para fazer com que ela saísse levemente do chão com a ajuda de um imã, relembrando o 14-bis de Santos Dumont.


Momento Leitura 2

Sintonia do Mar

Haicai produzido pela aluna Bruna do 8.º ano nas aulas de Técnica de Redação, sob a orientação do professor Flávio Santos.

SINTONIA DO MAR

Sinto as ondas do mar a me balançar.

E no seu balanço:

Chuá, chuá.

4.º ano biografia (0)

Inventores e suas invenções

Alunos do 4.º ano fazem atividade de pesquisa em duplas sobre alguns inventores e suas invenções. Depois disso, produziram uma biografia com as informações encontradas e anotadas no livro.

Biografia é um gênero textual em que se conta fatos particulares de diversas fases da vida de uma pessoa. Pode ser contada na ordem em que os fatos mais importantes aconteceram ou na forma de uma narração.


Monitoria 2018 (0)

Projeto de Monitoria

Neste mês teve início o  “Projeto de Monitoria” para grupos interessados nas seguintes disciplinas: matemática, física, química e português. Os alunos que se destacam em alguma dessas disciplinas, podem se disponibilizam em auxiliar os colegas. Essa é uma forma de praticar o estudo compartilhado, possibilitando conhecimento e a socialização entre os alunos.


Momento Leitura

Da Minha Terra

Paródia produzida pela aluna Daniella do 9.º ano nas aulas de Técnica de Redação, sob a orientação do professor Flávio Santos.

 

DA MINHA TERRA

Minha terra tem caqui

Onde canta o tupi

Do rio das cobras: Moji*

Eu nasci.

*

Andei pouco por lá

Mas aprendi muito naquele lugar

Um dia, gostaria de voltar

Para visitar tudo por lá.

*

Lembranças estão comigo

Em todo lugar

São Paulo, Santos, Praia Grande

Nenhum melhor do que o lar.

*

Sinto saudade, muita,

Mesmo estando aqui

Ainda me vejo por lá

Um dia, irei retornar.

*

Não permita Deus que eu morra

Sem que eu volte para lá

Minha terra tem caqui

Onde canta o tupi

Do rio das cobras: Moji

Eu nasci.

*

Mais prazer eu encontro lá

Então, não permita Deus que eu morra

Sem que eu retorne para o lar

Para o meu lugar.


*Moji (com “j”) significa rio das cobras, foi empregado intencionalmente para dar a ideia do início da cidade com seu primeiro nome que veio do tupi-guarani, de origem, algo mais para o lado histórico e étnico.

 

 

2º ano - Tempo de Brincar (9)

Tempo de brincar

Para inserir o tema bimestral de português”Tempo de brincar”, a professora Fernanda orientou a ida dos alunos do 2.º ano ao laboratório de informática para uma pesquisa. Eles puderam conhecer as obras relacionada ao tema do famoso artista plástico brasileiro Cândido Portinari.

Outra proposta foi brincar com as cantigas de roda pesquisadas pela turma. Para finalizar, todos participaram de um jogo em que tinham que encontrar as palavras para completar as lacunas das cantigas.


7º ano Carta Pessoal 2018 (0)

Carta Pessoal

Sob a responsabilidade do professor de língua portuguesa, Flávio dos Santos, a turma do 7.º ano foi até uma agência dos Correios da cidade, postar as  cartas que escreveram para pessoas queridas, mas que estão distantes geograficamente.

Essa proposta teve o intuito de resgatar o prazer em escrever cartas, hábito tão comum algumas décadas atrás, mas esquecida após o surgimento da internet e das redes sociais.


2º ano - Ditado Doce (0)

Ditado Doce

Alunos do 2º ano participar de um delicioso ditado. Cada participante escolhia um envelope e dentro dele continha uma palavra que deveria ser completada com QU  ou GU.  Depois de preencher com o que achavam correto, liam para os colegas. Caso acertassem ganhavam uma bala.


 

4º ano - Livro Paradidático (0)

Nós, os cegos, enxergarmos longe

Momento de leitura do livro paradidático do 2º Bimestre dos alunos do 4º ano.

O livro “Nos, os cegos, enxergamos longe” foi escrito pelo austríaco Franz-Joseph Huainigg e ilustrado pela alemã Verena Ballaus. A sinopse do livro:

“Era dia de liquidação de roupas e calçados na cidade. Catarina se perdeu dos pais na multidão e ficou chorando na frente de uma loja. Ninguém parecia ver a menina. De repente, um rapaz cego chamado Matias se aproximou e se dispôs a ajudá-la. Confusa e admirada, Catarina percebeu que, do seu jeito, Matias era capaz de ‘enxergar’ melhor do que muita gente. Mesmo sendo cego.”